SINDIPETRO realiza encontro com revendedores das regiões de Joaçaba e Concórdia

Prazo para substituição da proveta termina no dia 4 de junho
8 de maio de 2017
Postos de combustíveis precisam cumprir a legislação com a implantação e manutenção da caixa separadora de água e óleo
18 de maio de 2017

SINDIPETRO realiza encontro com revendedores das regiões de Joaçaba e Concórdia

Compartilhar:

Aproximar ainda mais o revendedor do sindicato e ouvir as suas reivindicações, esses são os principais objetivos do SINDIPETRO. Para isso, a entidade tem realizado desde o início de março, e, se estenderá até novembro, reuniões em diferentes municípios de Santa Catarina.

Engenheira Daniela Fachini tira dúvidas e orienta revendedores sobre a área ambiental

Na última quinta-feira (11) foi a vez de revendedores de combustíveis das regiões de Joaçaba e Concórdia. O primeiro encontro ocorreu, às 10 horas, no Hotel Bordignon, em Joaçaba e contou com a presença do assessor jurídico, Alam Mafra, a engenheira ambiental, Daniela Fachini, e, o assessor de campo Josemar Fantin, ambos do SINDIPETRO. Já no munícipio de Concórdia o encontro aconteceu no Hotel Icaropê, no período da tarde.

Entre as principais dúvidas dos empresários estão à obrigatoriedade do MVC (Medido Volumétrico de Combustíveis) cuja obrigatoriedade está temporariamente suspensa, Portaria nº. 1.109 que trata sobre o Benzeno, prazo para entrega de documentos ambientais, entre outros.

Em Concórdia as dúvidas passaram pelo ambiental e jurídico, além de outras questões envolvendo a revenda

As revendas também tiraram dúvidas sobre o TRR (Transportador Revendedor Retalhista) e conversaram sobre a possibilidade de buscar apoio e lutar por melhores condições para os empresários que atuam na área de revenda de combustíveis.

Os representantes do SINDIPETRO aproveitaram a oportunidade para apresentar aos presentes, os benefícios e parcerias oferecidas pelo sindicato. Mafra frisou que o sindicato está sempre à disposição do associado para tirar dúvidas e auxiliar na resolução de possíveis problemas. “Nós somos a casa de vocês, nos procurem, usem o sindicato, ele está lá para vocês”, destacou.

Fale conosco
X