SINDIPETRO/SC capacitou mais de 700 profissionais no primeiro semestre de 2019

ANP quer lançar aplicativo com preços de combustíveis até fim do ano
9 de julho de 2019
Deputado Estadual Sargento Lima (PSL) visita sede do SINDIPETRO/SC em Joinville
12 de julho de 2019

SINDIPETRO/SC capacitou mais de 700 profissionais no primeiro semestre de 2019

Foto Divulgação

Compartilhar:

Qualificar os colaboradores é importante em qualquer empresa, e, nos postos de combustíveis não é diferente. Devido a diferentes legislações, os funcionários das revendas são obrigados a possuir cursos específicos, dependendo de cada função. Nessas qualificações estão incluídas: NR 20, NR 35, Benzeno, Cipa (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), PAE (Plano de Ação de Emergências) e Análise de Combustíveis.

É pensando em todas essas obrigações que o SINDIPETRO/SC capacitou seus assessores de campo para oferecer todos esses treinamentos. Dependendo da situação, os cursos podem ser oferecidos diretamente no posto, oferecendo mais agilidade e economizando o tempo de deslocamento dos funcionários.

Em 2019, o sindicato passou a oferecer, também, a qualificação em Atendimento e Vendas com o objetivo de mostrar técnicas e abordagens para atender melhor e vender mais, aumentando a lucratividade do posto e gerando ganho para os funcionários.

As qualificações são oferecidas para todos os postos, independentemente da associação, e para profissionais particulares, entretanto postos associados ao SINDIPETRO/SC têm preços e condições diferenciadas para pagamento.

De fevereiro a junho desde ano, já foram capacitados 712 profissionais em diferentes cidades de Santa Catarina. Vale lembrar que os cursos obrigatórios têm o objetivo de orientar os colaboradores em como agir em inúmeras situações no posto. As orientações servem para garantir a segurança do empreendimento e dos colaboradores, evitando possíveis acidentes.

Conheça um pouco mais sobre os cursos oferecidos pelo SINDIPETRO/SC:

Obrigatórios

Norma Regulamentadora 20 (NR 20): A Portaria 319/2012, do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) estabelece que todos os colaboradores das revendas de combustíveis devem possuir a capacitação. A norma trata sobre a Segurança e Saúde no Trabalho com Líquidos Inflamáveis e Combustíveis, o curso é disponibilizado em dois módulos: completo (para trabalhadores da pista) e integração (caixas, setor administrativo, entre outros). A norma estabelece ainda, que os colaboradores devem passar pelo curso de reciclagem a cada 2 anos.

Norma Regulamentadora 35 (NR 35): A Portaria 593/2014 do MTE trata sobre a capacitação dos trabalhadores que atuam em alguma atividade em altura. O curso tem duração de 8 horas, dividido em aula teoria e prática e tem o objetivo de orientar sobre as medidas de segurança para o trabalho em altura, estabelecendo os requisitos e condições mínimas para prevenir a ocorrência de acidentes durante a execução do serviço. Segundo a norma, considera-se trabalho em altura toda atividade executada acima de 2 metros. A reciclagem ocorre a cada dois anos.

Benzeno (Portaria nº 1.109): Em vigor de 2019, a Portaria 1.109, mais conhecida como a Portaria do Benzeno estabelece procedimentos para prevenção à saúde dos trabalhadores com possibilidades de exposição ao benzeno nos postos de combustíveis. O benzeno é encontrado, em baixa concentração, na gasolina, durante o curso, os colaboradores recebem orientações sobre uso de equipamentos e medidas de segurança. A qualificação tem duração de quatro horas e é obrigatório para todos os funcionários, a reciclagem acontece a cada dois anos.

Cipa (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes): Exigido pelo Ministério do Trabalho e Emprego a Cipa tem o objetivo de ajudar na prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, preservando a vida e contribuindo para a saúde dos colaboradores. Todos os estabelecimentos devem formar uma comissão e mantê-la funcionando regularmente. A regra vale para empresas privadas, públicas, sociedades de economia mista, órgão da administração direta e indireta, instituições beneficentes, associações recreativas, cooperativas, bem como outras instituições que possuem empregados.

PAE (Plano de Ação de Emergências): O PAE é um instrumento preventivo e de gestão operacional que identifica previamente os riscos e estabelece as ações a serem tomadas em caso de emergências. O curso tem duração de 2 horas e inclui parte teórica e prática e é obrigatório a todos os colaboradores do posto. O curso geralmente é oferecido no próprio posto, a reciclagem é anual.

Análise de Combustíveis: A qualificação capacita os colaboradores para realização do teste da qualidade dos combustíveis. O teste é obrigatório quando solicitado pelo consumidor, e, é exigido pela Resolução 9/2007 da ANP. O curso é gratuito para postos associados ao SINDIPETRO/SC, pagando apenas a taxa para confecção do certificado. É realiza na própria revenda, postos não associados também podem solicitar a qualificação.

Opcionais

Atendimento e Vendas: Através de um conteúdo leve e dinâmico a qualificação traz técnicas e métodos de abordagem, orienta os motivos para oferecer bom atendimento e serviços de qualidade, trata sobre a importância e as vantagens de conhecer os produtos disponibilizados no posto, além de dar uma motivação para o colaborador se destacar como um bom vendedor. O curso tem duração de 4 horas e após o treinamento, o profissional está apto para se comunicar com clientes, expressando-se de forma clara e adequada aos contextos e características da revenda.

Para saber mais a agendar a qualificação dos seus colaboradores entre em contato com o SINDIPETRO/SC através do 0800 474 474 ou WhatsApp: (47) 98847-9520.

X